Respeito à vida, vida real
Risco assumido pra mim é normal
Voz da verdade, paz, lealdade
Pensamentos se abrem em direção ao mar

Eu pude ver o que pode me engolir
Mas não faz sentido, não vou desistir
No fato do relato asas pra voar
Nunca tempo perdido, as portas estão lá

Dê-rê rê rê dê rê
Nunca tive só
Asas pra quem pode ver...
Luz para pensar
Asas pra quem pode ver

Nos olhos um registro, de repente
Loucas viagens, sempre
Vou contente nasci pra sonhar
Não perco tempo, sigo sem frear
Só lamento quem não cai pro arrebento
Não tem vacilo eu corro como o vento
Olhos e mente vão me encaminhar
Um passo a frente e já não estou no mesmo lugar

Dê-rê rê rê dê rê
Nunca tive só
Asas pra quem pode ver
Luz para pensar
Asas pra quem pode ver

Vídeo incorreto?