Olha lá quem vem cruzando a esquina
É a maria mais fremosa rosa linda
Faceira como sempre vendendo as flores que colheu no seu jardim
Roubou meu coração, trancou em um porão, escravo do amor
Faço o que preciso for,
Pra não perder maria
Pra não perder maria

Fica mais um pouco que eu tô ficando louco
Encosta o teu corpo no meu
Não me leva a sério quando digo que não quero mais o teu amor

Maria... maria
 
Suspiro quando olho nos teus olhos
Esqueço do meu mundo e só existe o teu
Eu tenho seu retrato no meu quarto
Te idolatro, ó diva dos sonhos meus
Do seu clero eu quero o ego
Foi você que eu escolhi pra ser a musa dos meus versos
Maria

Vídeo incorreto?