Sonhos despedaçados


Aquela rosa morta na rua espera
Mensagem atrás de mensagem preparando-se pra voar
Porque havia sido você minha companheira
Porque já não é nada e agora tudo está demais.
Se não soube te amar não foi por você
Não acredito no amor e não é por mim
Se não te soube ver e te perdi
Se cada dia que me dá te faz sofrer
Não...

Voltar a te ver outra vez
Com os olhinhos cheios d'água de ontem
Com a doçura de um amor que ninguém vê
Com a promessa daquele último café
Com um montão de sonhos despedaçados,
Voltar a te ver outra vez
Voltar a te ver outra vez
Com um montão de sonhos despedaçados.

Deixei o orgulho atrás por um instante
me preparei a estar só mais uma vez
Se não soube te amar não foi por você
Não acredito no amor e não é por mim
Se não consegui entender e te perdi
Se cada dia que me dá te faz sofrer
Não...

Voltar a te ver outra vez
Com os olhinhos cheios d'agua de ontem
Com a doçura de um amor que ninguém vê
Com a promessa daquele último café
Com um montão de sonhos despedaçados,
Voltar a te ver outra vez
Voltar a te ver outra vez
Com um montão de sonhos despedaçados.