(suas fotos queimadas),
A fumaca cinza corre o ceu.
(Perdi o pulso sem ter porque),


Separei o corpo, do coração
pra tentar entender o porque,
voce insiste em cegar meus olhos
pra que eu não...
(veja voce passar entre corpos)

"teu peito nao vai mais,
aguentar toda essa dor (essa dor),
que te faz, perder o chão
E dizer,que tudo que eu deixei
(Pra trás, irá fluir,
por luzes brandas, por alguns segundos.
A magia irá lhe matar, por tua falsidade)"

em verdade alguns heróis,
insistem que a antiga paixão
quer levá-los a frequente derrota

Palavras que designaram recentemente
dúvidas e imaginação, relutam por liberdade.
A imensidão de um erro cometido desvia o fluxo de um coração