Secar a chuva


Está ficando mais frio
E cada dia mais escuro
E todas as flores vermelho-sangue
Lentamente ficam cinzas

Precisamos de algum vento
Para soprar as nuvens
Precisamos de um sol para secar a chuva
É preciso quebrar a corrente de ontem
Precisamos de uma tempestade para matar a dor

Eu não lembro
Nada além de um acorde menor
Há ainda alguma brasa
Do fogo que adorava

Precisamos de algum vento
Para soprar as nuvens
Precisamos de um sol para secar a chuva
É preciso quebrar a cadeia de ontem
Precisamos de uma tempestade para matar a dor

Precisamos de algum vento
Para soprar as nuvens
Precisamos hoje
Precisamos hoje
Precisamos de um sol
Para secar a chuva
Para matar a dor
Para matar a dor

E quando o trovão abre inferno
Andando pela borda de despedida
Eu tinha cortado sua mão fora então não podia deixar ir
É este o final
O clímax do show