Uma história de sucesso no sertão
Trouxe uma inspiração de compor para vocês
Falo da viola que nasceu no chão caboclo
Com Tunico e Tinoco para cantar neste mundão

São versos lindo na maior simplicidade
Que entra no coração e fala pura verdade
Verdade louca de falar de voz me se
De uma cabocla Tereza que não mereceu viver

Mas neste mundo ninguém sabe quando vai
E Tunico foi embora e não voltou nunca mais
Foi lá pro céu pra cantar com outros anjos
Mas deixou um violeiro pra fazer seus arranjos

Falado

Falo com fé e também falo sem medo
Nos tinidos da viola nos segredos de seus dedos
Falo de um violeiro chamado Mazinho Quevedo
O respeito ao violeiro que merece atenção
Na maior simplicidade chama Tinoco de paizaõ

Viola do chão caboclo viola lá do sertão
Viola de todos os cantos viola da minha paixão
Mexe comigo viola canta comigo seu moço
Esta é minha homenagem a Mazinho e Tinoco .

Volta a cantar

Uma história de sucesso no sertão
Trouxe uma inspiração .......de compor para vocês.

Vídeo incorreto?