Quédate (tradução)


Eu, que posso ser
um homem sem rumo,
o mais vagabundo
e o mais instável também
Eu, que às vezes
só sou desatino,
e diversão de amigos
e um copo que possa beber.

Quando você chega tu
de tudo me esquecimento,
me dou um respiro
e vem a calma depois.
Quédate comigo
muito tempo, amor.
Não vá em breve,
que me volto, amor,
a perder inteiro
nesse labirinto.
Quédate comigo
muito tempo, amor.
Não vá em breve
porque sinto, amor,
a necessidade
que você dê carinho.
Quedate, quedate,
quedate, quedate.
Quedate, quedate,
quedate, quedate.

Eu, que posso ser
a nuvem mais preta,
sua forte tempestade
e o raio que caia também.
Eu que só sou
um tipo à pressa,
de entrar e saída
por onde me deixo ver.