Rumores


Dizem as más línguas
que você engana.
Se ouve pela escada
que estou de mais.
Um bom amigo disse:
Tem um toureiro,
que fora da praça
não vale ná.
É alto, loiro, forte,
talvez moreno.
Quero que você diga
que não é verdade.
Abrigo a esperança
que não seja certo,
porque sem tí,
minha vida não vale ná.

Dime que teu amanhã
não se fez noite,
que teu rosmaninho ainda tem flores
e que minha lua pode brilhar.
Não é que te obrigue a nada.
Dime, minha vida, que não você ama.
Não importa o tempo
em que você engane.
Teu é meu amor.

Os ciúmes não me matam,
mas me afundam.
Sou como um louco ajuizado
sem fechar.
Tenho coberto a quota
em meus sentimentos.
Você está vivendo um conto,
eu estou de atar.