Tô eu, a solidão e a madrugada
Bantendo um papo aqui nesse terraço
Eu choro pela falta do seu beijo
E a solidão por falta de um abraço
O vento me bate é tão gelado
O frio que me envolve é tão cruél
Seu beijo apagado em minha boca
Deixando o gosto amargo feito fél
Meu paletó jogado na cadeira
E um gelo solitário a derreter

Tô eu,a solidão e a madrugada
Rezando pra você aparecer
Um solitário, três compaheiros
Que ninguém consola
A gente é sem você
Noite sem amanhecer
Sertão sem viola
Um sólitário, três companheiros
Da mesma paixão
A gente é sem você
Tempestade sem chover
E amor sem coração

Vídeo incorreto?