Começo de romance, são flores todo dia
Caixa de bombons, bilhetes, poesias
Dois enamorados criando fantasias
Corações batendo em plena harmonia

Mas depois que casa é aquela brigaiada
Um dorme na cama outro no sofá
É uma quebradeira, panela pra todo lado
Os dois emburraodos não quer conversar
Vem a parentada chegando e dando palpite
Cerra o almoço e fica pro jantar
E tem uma sogra querendo mandar em tudo
Tem que pensar muito pra não separar

Mas quando a raiva passa, renascem os desejos
Na cama acontecem abraços, muitos beijos
Quando o sol acorda os dois estão se amando
Por causa do amor que o povo está casando

Vídeo incorreto?