Vai começar a grande festa de rodeio, está chegando gente de todo lugar
Vai ter disputa e vou tar bem lá no meio lá na arena, o troféu eu vou ganhar
Peço a benção à Santinha Aparecida, que me protege de todo coração
Pois a ela eu já devo minha vida de um coice que levei dum alazão

Mas agora já é noite, já é hora de montar
Em cima do touro bravo e o prêmio faturar
A porteira se abriu, pulso firme a segurar
Durante oito segundos, nenhum peão vai superar (yrhah!)

Lá na platéia, tô de olho na loirinha de chapéu preto, olhos azuis-cristal
E essa noite, ela vai ser minha rainha, porque vou ser o campeão dessa final
Venho distante lá do meu Goiás, participar dessa festa de peão
A saudade de Goiânia é demais, e Barretos é minha grande paixão

Mas de repente o locutor, no microfone, ele falou
Quem era o Peão de Ouro, o meu nome ele gritou (yrhah!)
Mas de repente o locutor, no microfone, ele falou
Quem era o Peão de Ouro, o meu nome ele gritou (yrhah!)

Vídeo incorreto?