Sua pele, o meu beijo
o meu corpo, sua vontade de amar
seus anseios, minha sêde
a inquietude, diante do seu olhar
é como eu te espero
sem medo de se entregar
é como eu te quero sem pensar

minha vida em seus braços
sua pressa,
todo tempo é pouco pra nós
quando penso que estou longe
não me entrego
posso ouvir sua voz
dizendo que me ama
e não pode suportar
se hoje eu me afasto
o amanhã não há

Seu amor é meu vício
seu sorriso mais que uma oração
e a certeza que a chuva
que molha os nossos sonhos
e alimenta a paixão
nunca vai terminar

minha vida em seus braços
sua pressa
todo tempo é pouco pra nós
quando penso que estou longe
não me entrego
posso ouvir sua voz
dizendo que me ama
e não pode suportar
se hoje eu me afasto
o amanhã não há...

Seu amor é meu vício
seu sorriso mais que uma oração
e a certeza que a chuva
que molha os nossos sonhos
e alimenta a paixão

nunca vai terminar...

nana naná naná...
naná naná naná ...

Vídeo incorreto?