Lá onde eu moro a cultura é do samba
Mesmo quem é bamba partiu para o forró
De segunda a segunda tem forró e gafieira
Quem não ta de bobeira vai sujar o palitó
A sanfona comendo e o forró pegando fogo
O bamba é animado com o tamanho do alvoroço
No repique do batuque faz a moçada tremer
O bamba no forró está aí pra você ver

Largou o seu pandeiro pra fazer tatatumtum
Com o som da zabumba se tornou o número um
Largou o cavaquinho para ser o trianguista
Veja só meu camarada já é capa de revista
Largou o canivete para ter um acordeon
O forró do bamba é pesado meu irmão
O forró do bamba é pesado meu irmão
O forró do bamba é pesado meu irmão

Vídeo incorreto?