Já são quase três, já estou quase só
Olhos na TV, estático ser fora do ar
No meu cobertor sinto me afogar
Naúfrago na dor sem adormecer, sem acordar

Eu...
Ainda lembro, ainda vejo
Ainda sinto o seu olhar
No meu canto, no meu mundo
Num quarto escuro só a vagar
Esperando o dia amanhecer de novo

Já não sei quem sou, já não sou quem quero ser
Afastei de mim vendo assim tão sem você
Vou me levantar, recolher meu pranto em vão
Devo acreditar que em outro lugar se fez solidão

Eu...
Ainda lembro, ainda vejo
Ainda sinto o seu olhar
No meu canto, no meu mundo
Num quarto escuro só a vagar
Esperando o dia amanhecer de novo

Já são quase três, já estou quase só
Olhos na TV, estático ser fora do ar

Eu...
Ainda lembro, ainda vejo
Ainda sinto o seu olhar
No meu canto, no meu mundo
Num quarto escuro só a vagar
Esperando o dia amanhecer

Vai saber, vai lembrar e sorrir e chorar
Vou sentir o seu olhar
No seu pranto, meu canto, teu sonho, meu mundo
Agora é um jardim a brotar
Aonde eu possa começar de novo

Ainda lembro, ainda vejo
Ainda sinto o seu olhar
No meu canto, no meu mundo
Num quarto escuro só a vagar
Esperando o dia amanhecer de novo

Vídeo incorreto?