Iê, beira d'água
Tô na carreira do rio
Ê, beira d'água
Tô na carreira!

Eterno Bidiu feito na farofa
Galinha D'angola
O Chico falou pra por mais limão
na sua batida
Mas o Roberto nem se tocou
quando a morena sorrindo pra ele os olhinhos virou!

O-ou! O-ou!

Iê, beira d'água
Tô na carreira do rio
Ê, beira d'água
Tô na carreira!

Paulinho afinou a sua viola
animando a festa
E Milton cantou o seu nascimento
rimando com graça!
E no terreiro o que se viu?
Um frete danado todinho animado por Gilberto Gil!

O-ou! O-ou!

Iê, beira d'água
Tô na carreira do rio
Ê, beira d'água
Tô na carreira!

Vinícius chegou com o seu recitado
na ponta da língua
Jobim confirmou em um tom maior
a sua presença
E no fim da noite, como ninguém,
Sambando no grito, o rei do apito, chegou Jorge Ben!

O-ou! O-ou!

Iê, beira d'água
Tô na carreira do rio
Ê, beira d'água
Tô na carreira!

Vídeo incorreto?