Ó meu Deus, chama Noel
Pra provar também dessa comida
Cozida em Vila Isabel

Ô Filomena
Eu trouxe a família pra almoçar
Estou na colina e não tenho hora pra voltar
Posso arrumar a mesa e ajeitar o quintal pro pagode
Chegou o banjo
Hoje vai ter sacode
Rolou boato que a comida é mineira
Vai ter bife de panela com polenta e aipim
Quero provar o jiló e a berinjela
Tô sem pressa, sou assim

Ô Filomena...

Reserva o gás pro novo fogão
Que o pagode vai rolar a noite inteira
A feijoada já está no caldeirão
Não adianta, eu não vou fazer dieta
Na sobremesa traço o que tiver na mesa
A comida da Filó é a minha predileta
A comida da Filó é a minha predileta
A graça divina, Filó
Abençoou seu paladar
O cheiro subiu pro céu, ô Filó
Quem já foi vai retornar

Ó meu Deus, chama Noel
Pra provar também dessa comida
Cozida em Vila Isabel

Vídeo incorreto?