Tribo dos Carajás
Noite de lua cheia
Aruanã, menina moça
É quem manda na aldeia

A tribo dança e o Grande Chefe
Pensa em sua gente
Que era dona
Desse imenso continente
Onde sonhou sempre viver da natureza

Respeitando o céu
Respirando o ar
Pescando nos rios
E com medo do mar

Estranhamente, o homem branco chegou
Pra construir, pra progredir, Pra desbravar

E o índio cantou
O seu canto de guerra
Não se escravizou
Mas está sumindo da face da terra

Aruanã, Aruanã-Açu
É a grande festa de um povo do Alto Xingu

Vídeo incorreto?