A noite se enfeitou de alegria
Surgiram mil estrelas lá no céu
Nascia um poeta lá no morro
Um bamba, um menestrel lá ra ra
Sua arte que é tão imensa
Em forma de recompensa
Hoje venho a exaltar
A sua fé que é tão grande
A cada dia se expande
Aumentando o seu valor
Paulo Brazão
É Paulo Gomes de Aquino
Um grande homem com coração de menino

Vila Isabel
És manchete de revistas e jornais
És um berço de poetas imortais
Mundo inteiro te conhece e não te esquece
Vila Isabel
És manchete em revistas e jornais
És um berço de poetas imortais
Mundo inteiro te conhece e não esquece
Vila Isabel
Para o artista és um tema ideal
Tens arte e poesia
Teus sambas têm magia
Tu és a imagem pura do carnaval
Vila Isabel
Serei eternamente o teu cantror
Canto e canto de alegria o teu louvor
Fevereiro a fevereiro com meu pandeiro
Vila Isabel
De pastoras tão bonitas, meu senhor
Tu és um festival de luz e cores
Inspirando amor

O sereno está caindo
Em toda Vila Isabel
É o céu que está chorando
Com saudade de Noel

Vila Isabel, Vila Isabel
Serei eternamente teu cantor
Canto e canto de alegria em teu louvor
Fevereiro a fevereiro com meu pandeiro
Vila Isabel
Das pastoras tão bonitas meu senhor
Tu és um festival de luz e cores
Inspirando amor

Vídeo incorreto?