Quando a tarde cai
Vou à janela para ver o sol se pôr
E quando a noite vai
De longe um vulto faz lembrar o meu amor
Parece que foi ontem
Que magoada me abraçou e disse adeus
Eu não acreditei
Pensei que nunca deixaria os braços meus
Porém não foi assim
Você partiu e nunca mais voltou pra mim

Alguém melhor que eu, com mais amor que eu
Ganhou os teus carinhos quando eu
Mais me convencia que era meu, de ninguém mais
Alguém melhor que eu, com mais amor que eu
Tornou-me tão pequeno em seu passado
E nunca mais olhou pra trás

Quantas vezes fiz
Você chorar dentro do quarto a se esconder
Por não querer gritar
Na minha cara que eu estava a lhe perder
No fundo já sabia
Que estava destruindo o que era meu
Mas não acreditei
Que houvesse alguém pra lhe agradar melhor que eu
Porém não é assim
Pra lhe agradar melhor que eu existe sim

Vídeo incorreto?