Ela chega como quem não quer nada
Fazendo mistério
Bate a porta se tranca no quarto
Sem nada dizer
E eu fico zoando na casa
De um lado pro outro
Sufocado de dor e desejo
Querendo saber
Onde é que ela foi e o que fez
Se estava sozinha
Não fez compras eu sei
Pois estava com as mãos vazias
Onde foi o batom dos seus lábios
O perfume que tinha
Não cheirava suor, nem bebida
Quando ela saia

Olhos nos olhos, cartas na mesa
Quero saber
Por onde andou, com quem ficou
Não tente esconder
Olhos nos olhos, cartas na mesa
Porque não diz
Se não sou mais, o homem que faz
Você feliz.

Vídeo incorreto?