Eu te dei a chave
Que abre o peito da minha cidade
Esqueci da cópia
Para abrir caso voce me esqueça

Porta fechada

Convencer que me olhar na fechadura
Não vale nada
Não cabe mais, aquela verdade

Sou todo nosso
E o resto é desespero
De quem não abre pra quem bate, porta retrato

O céu daqui são luzes artificiais
E sem olhar pra trás, peço, não me abra nunca mais

Me assustei com ela
Que será, se dela chave está com ele ?
Nós trocamos os sentidos
Só nos falta trocar de indivíduos.

Vídeo incorreto?