Responder


Muitos anos se passaram desde aquilo
O cenário está desvanecendo
O tempo é cruel
E então é gentil

A cidade que eu morei com você
E o futuro que prometemos um ao outro
Está tudo envolto pela fraca luz do sol
O ponteiro que havia parado
Começa a mover nosso tempo novamente

O desespero, o alívio e a chuva que caiam
Começam a desaparecer pouco a pouco
Estranho, não? Mas há algo
Doendo dentro do meu coração
Eu ainda ouço sua voz chamar pelo meu nome
E ela soa tão claramente
Os espinhos que achei terem desaparecidos
Continuam me espetando e lembrando-me
Este sentimento é uma nova corrente
Que terei por um longo tempo

Não é arrependimento
Mas ás vezes imagino
Um mundo em que
Tudo deu certo para nós
Conheci outros garotos
Vivi outros amores
Estou indo bem
Com alguém especial

Com a tranquilidade
Depois de uma tempestade
Eu curei o meu coração
Partido, mas
As estações vêm e vão e não sei por que,
Mas escuto você me chamar
E isso me lembra as insubstituíveis memórias
Dos dias que passamos juntos

Talvez, agora e sempre, você continue
A morar dentro do meu coração
Você é o mesmo de antes, com o mesmo sorriso inocente
Sem saber o que é dor
Triste, não? Não tivemos outra escolha
A não ser nos afastarmos um do outro, mas
Enquanto este sentimento continuar ardendo,
Nós seremos apenas amigos