Acordei da minha vida medíocre pra marchar em hora marcada
Não é arma, o vinagre que trago nas mãos
As faixas e os gritos de protesto é que são

O gigante finalmente acordou, o jogo virou, a casa caiu!
Vamos pra rua lutar, o jogo ganhar, mudar o Brasil!
Oh oh ooh! Verás que um filho teu não foge à luta
Oh Brasil! Verás que um filho teu não foge à luta

Viver do pão e circo ou de cara pintada, não é vida pra ninguém
Pra festa da bola, a casa está aberta e dinheiro se tem
Pra vida do povo, há tanta mentira, o controle e o desdém
A festa é nossa, a porta está aberta e todo mundo vem

O gigante finalmente acordou, o jogo virou, a casa caiu!
Vamos pra rua lutar, o jogo ganhar, mudar o Brasil!
Oh oh ooh! Verás que um filho teu não foge à luta
Oh Brasil! Verás que um filho teu não foge à luta

Oh oh ooh! Verás que um filho teu não foge à luta
Oh Brasil! Verás que um filho teu não foge à luta

"Somos os filhos da revolução"
assim "como nossos pais"
Vamos "Brasil mostra tua cara"
"Que país é esse?" acabou a farra!

Oh oh ooh! Verás que o filho teu não foge à luta
Oh Brasil! Verás que o filho teu não foge à luta

Vídeo incorreto?