Outra vez estou perdido
Sem saber pra onde ir
Outra vez estou largado sem destino
Vagando por ai
Anoiteço e amanheço no boteco bebendo por você
Depois que você saiu da minha vida
Não tem sentido o meu viver

Eu só tenho a minha velha viola
Minha eterna companheira
E com ela conquistei o seu amor
Mas não foi pra vida inteira
Eu assumo, sou um louco apaixonado
Trago essa paixão escancarada em meu olhar
Mas duvido que te amar como eu te amo
Outro alguém vá te amar

Você feriu o meu coração
Me nocauteou, me deixou no chão
Não sei o que faço
Sem o seu abraço, tudo é solidão

É por isso que eu bebo e durmo na rua
Virei um boêmio, um amante da lua
Essa paixão não tem cura, estou á beira da loucura
E a culpa é toda sua

Essa paixão não tem cura
Estou á beira da loucura
E a culpa é toda sua

Vídeo incorreto?