Sei que me usou como um passa tempo
Hoje quer voltar
Assim como um bandido vem
Chegando de mansinho
Querendo me ganhar
Indefesa, inocente, tão carente
Me dei pra você
Sabendo que mais cedo ou mais tarde
Vou me arrepender

Pode voltar
Vou deixar a porta aberta pra você
Entrar
Sorte ou azar
Vou viver mais uma vez com você

Tá olhar não tem jeito não sai
Meu coração não te esqueçe jamais
Refrão
Tente entender louca paixão
Sem você por perto tudo, tudo é
Solidão (bis)

Vídeo incorreto?