Pra que eu pudesse sorrir
Ele tornou-se mui triste.
Pra que eu pudesse ter paz
Ele sofreu meu castigo.
Pra que eu pudesse viver
Ele doou a vida.

Moído pelas minhas transgressões
O cordeiro não abriu a Sua boca
Pra que eu pudesse trilhar
Me ensinou o caminho.

Amigo, meu Cristo, meu mestre bendito.
De Ti eu preciso em todas as horas, meu Salvador.

Pra sarar meu coração
Levou as minhas feridas.
Pra que eu tivesse perdão
Anulou a Sua vida
Minha vergonha cobriu.

Ao rasgarem os Seus vestidos.
Moído pelas minhas transgressões
O cordeiro não abriu a Sua boca
Pra que eu pudesse trilhar
Me ensinou o caminho.

Meu amigo! Eu preciso tanto de Ti.

Vídeo incorreto?