Nelson Sargento E Pedro Amorim
Pra que que eu fui acreditar
Em tudo que ela dizia
A razão do meu penar
Foi pensar que existiria entre nós
Mais que as palavras vãs que ela dizia
Quando ela jurou me amar
Mentia

A mentira é um pecado
Condenado pela lei de Deus
Hoje eu vivo amargurado
Não esqueço aquele adeus
Eu que era tão contente
Perdi toda alegria
Quando ela jurava amor
Mentia

Vídeo incorreto?