É bom, beber da tua água no teu rio doce mel
teu brilho silencia com uma Lua lá no céu
e toda noite eu vou lá fora pra te ver

É muito bom, ver o sol se pôr do teu lado coração
debaixo da cajarana, na beira do coquerão
a onda eu morro de saudade mesmo estando com você

É tão bom sentir a tua pele no meu corpo se enroscar
feito brasa de foguei eu vejo faisca no ar
A gente pega fogo e encendeia o coração

É mais que bom ver você dormindo depois do nosso prazer
Te acordo bem cedinho pra dizer "amo você"
És meu café da manhã e a razão do meu viver

Vem, vem pra matar a minha sede
Vem, vem pros meus braços bem querer
vem, vem balançar a minha rede
eu sou apaixonado por você

Vem, vem pra matar a minha sede
Vem, vem pros meus braços bem querer
vem, vem balançar a minha rede
eu sou apaixonado por você, amor

Vídeo incorreto?