Enquanto seus lábios ainda estão vermelhos


Doces pequenas palavras feitas para o silêncio, não para serem faladas
Coração jovem para o amor, não para mágoas
Cabelos negros para dançar ao vento,
Não para velar a visão de um mundo frio

Beije
Enquanto seus lábios ainda estão vermelhos
Enquanto ele ainda está em silêncio
Descanse enquanto o seio ainda está intocado, desvelado
Segure outra mão
Enquanto a mão ainda não está armada
Mergulhe nos olhos enquanto eles ainda estão cegos
Ame enquanto a noite ainda esconde o amanhecer aterrador

O primeiro dia do amor nunca retorna
Um momento apaixonado nunca é desperdiçado
O violino, a mão do poeta
Todo coração descongelando toca a sua canção com cuidado

Beije
Enquanto seus lábios ainda estão vermelhos
Enquanto ele ainda está em silêncio
Descanse enquanto o seio ainda está intocado, desvelado
Segure outra mão
Enquanto a mão ainda não está armada
Mergulhe nos olhos enquanto eles ainda estão cegos
Ame enquanto a noite ainda esconde o amanhecer aterrador

Beije
enquanto seus lábios ainda estão vermelhos
Enquanto ele ainda em silêncio
Descanse enquanto o seio ainda está intocado, desvelado
Segure outra mão
Enquanto a mão ainda não está armada
Mergulhe nos olhos enquanto eles ainda estão cegos
Ame enquanto a noite ainda esconde o amanhecer aterrador