Eraiá, eraiá, raiará
Eraiá, raiá, raiá
Quando vejo seu olhar em mim
E sinto teu perfume inconfundível
O coração se torna vulnerável
Corro perigo

E por mais que eu
Tente me afastar
O acaso sempre arma
Um novo encontro
Daí ficamos perto
Um do outro e já viu
Tudo pode acontecer
Mais não peço espero de você
Um sinal pra de uma vez
A gente se entender

REFRÃO

Não olhe assim não
Eu tenho medo
De entrega meu sentimento
E machucar o coração
Faz assim não
Se não for pra ser
O amor da sua vida
Eu prefiro a solidão..

Vídeo incorreto?