A saudade aperta o peito sem cessar
Sem nenhuma compaixão me fazendo chorar
Me agarrando em devaneios, eu caio de joelhos
Implorando novamente a sua voz

Todos param para ouvir meu coração
Que resiste a dor em meio à solidão
Consumido por meu pranto, procuro em um espelho
Sua imagem o seu rosto junto ao meu

Teu sorriso está em cada amanhecer
E por isso que jamais vou te esquecer
Enquanto a vida me quiser, eu quero respirar você
Estrela do mar

O brilho dos teus olhos penetrou em mim
Fez a escuridão então chegar ao fim
Dou a minha vida pra te encontrar
Estrela do mar

Nem o clarão da lua reluz tanto ardor
Nada é mais eterno que o meu amor
Por isso não me canso de te esperar
De te amar e te amar
Por isso não me canso de te esperar
De te amar e te amar

Vídeo incorreto?