Dê-lhe gaita o fandango, dê-lhe baixo e bateria
Dê-lhe corda de guitarra, dê-lhe dedo na guria.
Tiro ela pra dançar e dou uma voltinha na sala
E vou saindo de mansinho com ela embaixo do pala.

Com esta vanera eu me encho de alegria
Com esta vanera dou pulo que nem garrote
Com esta vanera hoje eu dobro esta guria
Com esta vanera vou fungar no seu cogote.

Dê-lhe gaita o fandango, dê-lhe baixo e bateria
Dê-lhe corda de guitarra, dê-lhe dedo na guria.
Estou de olho na morena, mas loira é muito boa
Ela bem que ta querendo, mas tem medo da coroa.

Com esta vanera me encolho e me espicho
Com esta vanera danço e bebo muito gole
Com esta vanera esta noite me encambicho
Com esta vanera pra ela não vou dar mole.

Vídeo incorreto?