Oh, minha gente como é gosto dançar
Num fandango lá do meu rincão
Tem gente que dança até na cozinha
Porque fica muito lotado o salão.
As comadre comaçam a fazer fuxico
Que o salão esta muito paertado
E espicham o pescoço por cima do povo
Pra ver se a filha não dança apertado.

E a gauchinha fala pro gaúcho
Por que esta velha é tão impertinente
Em vez de ir embora pra casa dormir
Fica na sala de olho na gente

Quando o gaiteiro puxa uma vanera
Faz as gauchinhas suspirar doido
Eu me recordo dos tempos de moço
E até as viúva lembra o falecido
Tem velho que fica num canto da sala
Com o olho aceso igual lamparina
Não dança, não senta, só fica espiando,
Tem medo que a gente aperta a menina.

E quando chega de madrugadinha
E o lampião esta quase apagando
As velhas estão com as pernas cansadas
Se sentam num banco e ficam cochilando
E o gaiteiro puxa um vaneira
Que pra moçada esquentar o mocotó
A gente aproveita o cochilo das velhas
E dança juntinho que parece um só

Vídeo incorreto?