Tem gente que esquece do nosso roceiro
Este brasileiro de grande valor
Ele é modesto, bondoso e perfeito
Merece respeito carinho e amor.
Amigo este homem é nosso herói
Ele se destrói pra nos fazer o bem
Se você fosse lá na roça um dia
Então saberia o valor que ele tem.

O homem da roça é o herói brasileiro
É o guerreiro que honra seu nome
O seu braço forte é o seu fuzil
Defende o Brasil da miséria e da fome
Ele é corajoso e não foge da luta
Vira a terra bruta pra ganhar seu pão
Ele não pode ficar esquecido
Roceiro querido tu és nosso irmão.

A todo eu peço com muita franqueza
Ao sentar na mesa se lembre primeiro
Que todo o alimento que esta em seu prato
Veio de fato das mãos do roceiro
Este pobre homem não tem vida mole
Que ele planta e colhe com dificuldade
Se é do seu trabalho e do seu sofrimento
Quem vem o alimento pra nós da cidade.

O homem da roça é um valente soldado
Está sempre ao lado de foice e enxada
Derrama o suor, faz calos nas mãos
Pro bem da nação desta luta pesada.
Eu queria agora do seu lado estar
Para apertar a sua mão grossa
Dizer-lhe que o nosso Brasil glorioso
Se sente orgulhoso do homem da roça.

Vídeo incorreto?