Quando surgiu a lambada muita gente enlouqueceu
Mas só foi fogo de palha e já desapareceu
Logo após surgiu o coutry mas foi coisa passageira
Eu falo com segurança
Não vai haver outra dança pra matar nossa vanera.

Vem meu amigo, vem pro sul para dançar
Com uma prenda bem faceira
No embalo da vanera você vai se apaixonar.

Quando eu convido uma prenda não tem papai que não quer
Tem que ser como eu quero do jeito que eu quiser
Me jogo pra todo lado, na prenda dou uma canseira
E quando a marca termina
Eu convido outra menina pra dançar nossa vanera.

Na Argentina e no Uruguai e no sul do nosso país
Quando pede uma vanera o gaiteiro toca feliz.
Todos preferem dançar nossa marca bem campeira
E por isso que eu falo
Não vai haver outro embalo pra matar nossa vanera.

Vídeo incorreto?