Mais uma noite sem você
Eu continuo na solidão
Toca o telefone e eu digo alô
Não é você, amor
Estou quase pra enlouquecer

Olho as estrelas, vou pra rua
Rodo a cidade sem destino
Num botequim eu encho a cara
Até alta madrugada
Pra tentar te esquecer

Será que é amor ou é loucura
Nem mesmo a distância me segura
E eu vou te procurar
E mais uma vez dou com a cara na porta
A culpa é minha, eu sei, não tem volta
Mas não consigo deixar de te amar

Desiludido com o amor
Vou voltar pra minha casa
O que a bebida fez comigo
Meu Deus do céu, parece castigo
Estraguei tudo de novo

Vídeo incorreto?