Não quero explicar
Tudo o que faço
Nem ter uma razão
Para o que desfaço
Sou eu a escolher
Sei o que quero ter

Perco tempo
A tentar disfarça
Depois lamento
Não ter tempo p'ra afirmar
Que estou a sofrer
Pelo que me proíbem fazer

Agora mesmo vou deixar tudo para trás
E viver sem ter medo pois…

Quero dançar ao ritmo do sou
De braços no ar fugir de quem sou
Esqueço que existo
Não há mais ninguém
E faço da vida o melhor que sei

Não quero saber
Se calha bem ou mal
O que estou a dizer
É fundamental
Espero ser capaz de falar sempre por mim
Sou assim

Agora mesmo vou dar mais um passo em frente
E viver sem receio pois…

Refrão

Faço da vida o melhor que sei (2 vezes)

Refrão (2ª vez repete… "faço da vida o melhor que sei…")

Vídeo incorreto?