Quem sou eu
Pra viver sem madrugada
Quem sou
Pra viver sem violão
Quem sou eu
Pra esquecer o que passei
No tempo em que andei
Com você no coração

Era grande meu sofrer
Mas eu amava
Arranjei um certo dia
Um violão que me ajudava
A cantar os versos
Que fiz pra você
Posso até dizer
Eu era mais feliz
Mas depois do seu amor
Fiquei marcado
Sem viola e madrugada
Eu não vivo sossegado

Vídeo incorreto?