Bem aventurado eu sou
Bem aventurando eu vou
O bem da aventura eu quis
E assim eu vou me aventurando a ser feliz

Chão de muita estrada andei,
Céu de muita estrela eu vi
Dor de amor eu já sofri
E mesmo assim de amar não desisti.

Só peço a Deus que a trama das palavras
Desperte nossas falas e nos ensine a escrever
Poemas que despertem
Resposta em que não sabe responder

Só peço a Deus que o drama dos altares
Rebrilhe nos olhares e venha em nós se eternizar
E faça gerar sonhos
Naqueles que não sabem mais sonhar

Bem poetizado eu vou
Bem poetizando eu vou
O bem da poesia eu quis
E assim eu vou, poetizando eu sou feliz

Bem aventurado eu sou assim
Meio bom, meio ruim
Oriento-me na cruz
Ocidento-me no amor

Sou palavra, verbo e cor
Sou da prosa um prosador
Sou de Deus um cantador
Da saudade um traduto

Bem aventurando eu vou
Bem aventurado eu sou
Bem aventurando eu vou
Bem aventurado eu sou

Só peço a Deus que a trama das palavras
Desperte nossas falas e nos ensine a escrever
Poemas que despertem
Resposta em que não sabe responder

Só peço a Deus que o drama dos altares
Rebrilhe nos olhares e venha em nós se eternizar
E faça gerar sonhos
Naqueles que não sabem mais sonhar

Vídeo incorreto?