No coração de um homem que se entrega à bebida
há sempre uma mulher,
uma paixão mal reslovida
Por trás de cada louco que se perde nas calçadas
há sempre uma mulher,
uma paixão mal acabada.

Paixão,
é um mal quase sem cura
é doença que tortura quem na vida já amou
Paixão,
é um mal que martiriza
nem o tempo cicatriza onde ela machucou.

No coração de uma mulher que se entrega à solidão
existe sempre um homem
que feriu sua ilusão
Por trás de cada lágrima,
no pranto da saudade
existe um coração que amou de verdade.

Paixão,
é um mal quase sem cura
é doença que tortura quem na vida já amou
Paixão,
é um mal que martiriza
nem o tempo cicatriza onde ela machucou.
Paixão,
é um mal que martiriza
nem o tempo cicatriza onde ela machucou.

Vídeo incorreto?