Posso ver, eu abri a porta errada,
Nosso amor não deu em nada
Outra vez estou sozinho.

Sem saber qual será o meu destino,
Estou feito um menino
Tão confuso e carente

Sem suas palavras pra mostrar o que eu faço
Estou sem rumo não me acho
Estou sem nome e endereço

Fui um escravo de um doce amor bandido,
Um romance tão sensível,
Um amor que não tem preço.

Não vou deixar você fugir assim,
Negar o amor que deu pra mim,
Dizer que não tem mais o que eu preciso

Vou conquistar o que me faz feliz
Manter você presente aqui
E não ter que perder o meu juízo

Vídeo incorreto?