Não há nada além
Não há nada além agora aqui
Não há nada agora além daquilo que eu sou

Silêncio e som
Povoam o meu corpo
Era a pedra e eu
Era a pedra e eu
A pedra e deus
Era a pedra e deus
A pedra, a pele
A pedra e eu e eu

E o nada
Pousando em mim
A paz
A paz da estrada
Que ao findar vai dar em nada
Alguém cantou

A montanha enfim
A montanha em mim, o tempo, o fim
Da montanha ao topo da montanha
Eu vi
Que a gente é o caminho é caminhar
E que pouco importa
E que pouco importa
Chegar

Vídeo incorreto?