A noite quer se derreter
Mas meu desejo não arreda pé
Periga até eu tomar veneno

Mas jeito eu não tomo, é
Mas desce um shot aí pra mim
Seu malaquias, eu não saio não
No vão da noite com o dia eu vivo leve

Quando esquentou, te vi
Você nem me notou,
Perdeu, perdi
Mas não lhe esqueci, segui
E agora "tamô" aqui
Deixa eu te levar

E o mundo inteiro vai querer dançar
Com a poesia de te ver passar
E a sorte de existir, pra apreciar
Pois é, o trio já vai parar
Eu sempre quis poder saber tocar

Que eu inventava tanta história
Em melodia, pra voar
Mas "vamô" ali se conhecer
E esquecer que a noite vai minguar
Meu peito tem um quê de pronto pro seu jeito

Quando fervilhou, senti
E aquele meu pudor,
Nem sei, nem vi
Ai, se eu te vestir em mim
Eu fico assim feliz

Deixa eu te levar
E o mundo inteiro vai querer "tá" lá
Com a sinfonia desse teu olhar
E o sol que vai subir, pra admirar

Vídeo incorreto?