Não posso ficar
Muito tempo sem procurar
Um novo olhar

Ninguém consegue se direcionar
A ponto de não ter que encarar
Um outro olhar num outro olhar

Velhos dardos são lançados
E este é sempre o mesmo o jogo
A cada brecha oferecida
A batalha se impõe

Menos sentido, mais coração,
Mais raciocínio, menos opinião,
Mais importância, menos importação!!

Sem floreio e nem sequer lirismo algum:
Estou sendo transpassado pelo ar...

Não posso ficar
Muito tempo sem enfrentar
Um novo olhar!

Ninguém consegue se distanciar
A ponto de não desafiar
Um outro olhar num outro olhar

Na contagem dos instantes, o duelo está travado
Cada um exibe as armas que carrega em si...

Menos ciência, mais solução,
Mais devaneio, menos definição,
Mais existência, menos explicação!

Sem floreio e nem sequer lirismo algum:
Estou sendo esmagado por você...

...!não!...

Vídeo incorreto?