Vivo


Havia um tempo que eu estava morto por dentro
Você chamou meu nome e e eu tentei me esconder
Meu coração estava escuro e tão cheio de vergonha, cheio de vergonha
Mas como o amanhecer de um novo dia
Seu amor mandou minha vergonha embora
Quão maravilhoso agora é ouvir Você cantando sobre/para mim, para mim

Refrão
Alto cantarei, alto cantarei
Te dando tudo o que eu tiver para dar
Até o mundo conhecer o amor que me tornou tão vivo, estou vivo, estou vido, sim

Todo dia eu encontro Sua misericórdia de novo
E todo o momento que eu passo com Você
Eu sou coberto sobremaneira pela graça que eu não posso manter para mim mesmo, para mim mesmo

Para além da minha tristeza, para além da minha noite
Você me chama dentro da gloriosa luz
Onde tudo de perdição, solidão e quebra
Acha Sua luz, brilha Sua luz