A alegria me tomou, soube que você voltou.
Que saudade de você, meu amor.
Quanto tempo se passou e você nada mudou
Me falaram que por outro nunca se interessou.

Fiz promessa para o anjo que flechou meu coração
Que trouxesse você de volta pra mim.
E que, se ele atendesse minhas preces
Por você dez mil velas eu iria acender.

Cinco velinhas por dia, dezessete, vinte e sete
Não importa o quanto tenha que gastar.
Quem levou você embora não conhece o que é saudade,
É por isso que seus pais vou perdoar.

(Refrão)
De repente, mãos nos olhos, quem será?
Só no toque já deu pra adivinhar.
Virei para trás, no seu rosto muitas lágrimas
Dizendo, voltei, amor
Final feliz, amor
Pra nós dois.

Vídeo incorreto?