Tudo igual de novo
Lá no pé do morro
Num barraco de aluguel
São 4 horas da matina
Dona lia ja esta de pe
Forte na fé
Mil coisas pra fazer
Tudo de uma vez só
Quem sabe até de cór
Arruma a sala, o quarto
Lava roupa, lava prato
Ouvindo o velho rádio
Lustra a casa do teto ao chão
Enquanto as crianças assistem à televisão
No fogão a lenha improvisado com tijolos
Prepara o peixe pro almoço

Ah!Dona Lia
Amor Para Qualquer Hora todo dia

O braço forte da familia
Lava a louça do almoço e começa o jantar
È só quando o sol se poe ela vai descansar
Deu um duro danado o dia todo
Nem ao menos ganhou o salário
Mas a felicidade brilha em seu rosto
Por Marcelo o filho mais velho
Abandonou o vicio,arrumou serviço

Ah!Dona Lia
Amor Para Qualquer Hora todo dia

Vídeo incorreto?