O amor estÁ morto


Eu penso que não há nada a perder
Isto já foi desaparecendo, ah, não é nada aqui
Eu penso que não há nada a perder
Vivo sempre sem um rumo fixo, ah, não posso mudar

Onde devo ir? Meu coração está bem aqui
Para sempre abraçarei minha vida longe desse lugar

Você me ama? Você quer o meu amor?
Se mesmo repetir
Minhas asas de vidro estão molhadas e frias e tremem com essa solidão

Se não pode cortar a escuridão de minha mente
Mesmo sem compartilhar
Cresci para querer viver sendo quebrado

Repetindo os mesmos erros, escondendo a arma que não tenho
Ah, sem permitir

Não posso parar... de chorar... Não vou conseguir
Sinto um "adeus para sempre", não sei porque, não posso mais!

Se eu me aproximar e dar meu copro a parede do tempo sozinho
sem saber
que estarei machucado, sem você e sem ninguém, sem conhecer o amanhecer
Se te olho mais violentamente que as pessoas que com você está
apenas ouço o ruído durante a noite sem você

Sei que sua mão é honesta

Você está brilhando, fora dos meus olhos
Faço sentimentos que sentia por você florecer dentro de mim para não machucá-los
mais com alguém que gosta de você...