tradução automática

Quer um anúncio


E eu desejo que eu tinha um
Parece-me que não
No leite materno foi de chorar
Na minha garganta de um tubo inserido
Não tem umbigo na barriga

A
A
A

Baaaa!

Anunciante quer um

Eu poderia lamber os mamilos
E não dobra a esconder
Ninguém me deu um nome

Anunciante quer um

Concebido no e não têm sementes
Anunciante nunca quero me um dos nascidos
Jurei esta noite
Eu vou dar-lhe uma doença
E então eles afundar no rio

Anunciante quer um

A
A
A

Anunciante quer um

Em suas negociações vive uma aal
Uma marca de nascença no rosto
Retire-a com um diâmetro beijo
Mesmo se eu tiver que morrer com ele
A

Em suas negociações vive uma aal
Uma marca de nascença no rosto
Retire-a com um diâmetro beijo
Mesmo se eu tiver que sangrar até a morte

A
A
A

Anunciante quer um
Vidas na