Vou deixar o vento me levar, não há nenhum limite pra
poder sonhar.
Vou deixar o vento me levar, eu vou vivendo assim
buscando a minha paz.

Acordei bem cedo e não sabia se podia me reconhecer,
Pra ver o mar azul, pra ver o sol nascer, pra ver as
ondas quebrarem, pra tentar entender.
Fui busca a paz, a tranqüilidade que podia vencer.
Não da pra suportar, não da pra superar, ficar
observando a coisa toda rolar.

Muitos momentos difíceis eu passei.
Convivi com a tristeza e superei.
Toda magoa que ficou já foi, já é passado.
Prefiro pensar em você sempre ao meu lado.
A rua me ensinou muitas coisas também.
Me ensinou a observar e a continuar a seguir o meu
caminho sem medo de vencer.
Toco a bola pra frente porque é assim que tem que ser

Sem ter medo de poder voar.
Sem ter medo de poder errar.
Quem sabe um dia eu possa lhe dizer.
O quanto eu penso em você.

Vídeo incorreto?